banner

Com a presença de Arthur Neto, Executiva Nacional do PSDB chancela pré-candidatura de Amazonino ao governo pela federação com Cidadania

Representando a Executiva Nacional do PSDB, o deputado federal Luiz Carlos (AP) levou uma mensagem definitiva de apoio à única pré-candidatura ao Governo do Amazonas pela federação partidária com o Cidadania, que é a de Amazonino Mendes, lançada neste sábado (7.5) em uma casa de shows na zona Centro-Sul de Manaus, com a presença do pré-candidato ao Senado Arthur Virgílio Neto, do presidente do Cidadania, Roberto Freire, e de outros políticos do Estado.

“Trago essa mensagem do presidente do PSDB, Bruno Araújo, que enxerga essa aliança histórica como sendo muito representativa para o Estado do Amazonas. Amazonino Mendes é o nosso pré-candidato para o governo estadual e Arthur Virgílio Neto para o Senado Federal, com certeza são duas figuras ilustres”, declarou o deputado Luiz Carlos durante discurso, elogiando a atuação de ambos os políticos, Arthur e Amazonino.

Segundo o ex-prefeito de Manaus e atual presidente do PSDB no Amazonas, Arthur Neto, que lançou sua pré-candidatura ao Senado em março, o evento oficializa e reafirma a posição do partido – que está em vias de formalizar a federação com o Cidadania – em lançar o ex-governador Amazonino Mendes para concorrer ao governo estadual nas eleições de outubro de 2022. Para ele, o povo do Amazonas já aceitou essa junção.

“Vejo no Amazonino o homem que vai salvar o povo do Amazonas. Fica, então, oficializado que a federação PSDB-Cidadania tem um pré-candidato para governar o Estado e ele se chama Amazonino Mendes”, afirmou Arthur, destacando que, no cenário nacional, o Amazonas precisa voltar a ter uma voz forte em defesa da Zona Franca de Manaus e do povo amazonense.

“Todos sabem que sempre fui árduo defensor da Zona Franca, do Amazonas e da Amazônia. Se estivesse lá [no Senado], presidente nenhum, nem esse que aí está, nem outro do passado, teria feito um decreto que prejudica a Zona Franca, o emprego dos amazonenses. Pararia a Casa, travaria as votações nas comissões, como já fiz tantas vezes, até que fizesse justiça aos interesses do meu Estado”, lembrou Arthur.

Agradecendo e reforçando seu apoio ao nome de Arthur para concorrer ao Senado, o agora pré-candidato ao governo, Amazonino Mendes, lembrou que em muitas ocasiões ambos já foram adversários, mas que sempre se respeitaram. “Essa união era inevitável, era uma questão de tempo. As nossas diferenças não são maiores que esse sentimento de amor pelo Amazonas. Como digo, é o encontro do rio Negro com o rio Solimões”, afirmou Negão, como é carinhosamente chamado pela população. “Sou devedor do Amazonas, é minha obrigação devolver a liberdade aos amazonenses”, finalizou.

Fotos: Karla Vieira / Assessoria AVN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *