Presidente Roberto Cidade diz que Assembleia vai recorrer da decisão que paralisou a CPI da Amazonas Energia

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade (PV), afirmou, nesta quarta-feira (8), que a Casa irá recorrer da decisão do desembargador Aírton Luís Corrêa Gentil, que suspendeu, no último sábado (4), o andamento dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Amazonas Energia instalada na semana passada.

De acordo com Cidade, a Assembleia foi notificada nesta quarta-feira (8) e a Procuradoria da Casa já está trabalhando para recorrer da decisão, que já foi redistribuída para outro magistrado, o desembargador Paulo César Caminha e Lima. Na avaliação do parlamentar, a CPI é um anseio da população amazonense e precisa ser normalizada para iniciar os trabalhos.

“Antes de abrir a CPI, eu consultei a procuradoria e tive parecer favorável. Eu confio muito na procuradoria da Assembleia. Em todas as ações que tivemos nessa legislatura nós ganhamos no Tribunal de Justiça. É uma manobra jurídica deles (Amazonas Energia), mas de minha parte e dos demais parlamentares nós iremos fiscalizar sim a Amazonas Energia. Se for preciso nós iremos abrir outra CPI porque colher oito assinaturas aqui para esse assunto é muito rápido”, disse o presidente.

A CPI da Amazonas Energia foi instalada na quarta-feira da semana passada e a primeira reunião estava marcada para esta quinta-feira (9), quando o presidente do colegiado, deputado Sinésio Campos (PT) e o relator, deputado Carlos Bessa (PV), definiriam o calendário de oitivas da Comissão.

Fotos: Evandro Seixas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *