Alunos do SESI participam da olimpíada brasileira de astronomia e astronáutica

Quarenta e oito alunos da Escola SESI Dra. Emina Barbosa Mustafa participam da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e da Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG), em formato presencial na escola e/ou virtual com provas e atividades práticas de astronomia, astronáutica e ciências afins. A competição é realizada anualmente pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB), e no último ano rendeu cinco medalhas de bronze para os alunos do SESI Amazonas.

Os competidores do SESI responderam as provas on-line da OBA sobre matemática, física e astronomia, e também desenvolveram foguetes para a mostra, utilizando duas ou mais garrafas pets, além de mistura usada como combustível, que uniu vinagre com concentração de 4% de ácido acético e bicarbonato de sódio (puro ou contido no fermento em pó). O resultado da premiação será divulgado em 30 de julho na página oficial da OBA.

“Os alunos se desafiaram tanto nas provas on-line, que reuniram assuntos como velocidade e espaço, leis gravitacionais, além de atividades práticas de astronomia e até produção de fato de um foguete para a mostra, com materiais recicláveis e para ser lançado a maior distância possível”, explicou a professora do SESI, Ana Caroline Duarte.

Do eixo de Ciências da Natureza, os professores do SESI Amazonas foram os responsáveis pela coordenação dos lançamentos dos foguetes reais desenvolvidos pelos alunos e registraram medição em número inteiro de metros do alcance obtido pelos foguetes, do ponto de lançamento até onde parou o foguete. Os lançamentos podiam ser feitos por alunos individualmente ou por equipes de no máximo três alunos.

As provas online são compatíveis com os assuntos abordados nos livros didáticos do ensino fundamental e médio e reúnem ao todo sete perguntas de astronomia e mais três de astronáutica. “O conteúdo das provas divide-se por níveis, e o SESI participa com 48 alunos em diferentes modalidades”, relatou a professora.

Os alunos da Escola SESI Dra. Emina Barbosa Mustafa também estão participando da 2ª fase da Olimpíada Brasileira de Satélites e aguardam seus kits que chegarão na próxima semana, com nove sensores disponíveis para construção, programação e teste do satélite. Caso sejam aprovados, vão para as etapas regionais e nacionais de lançamento, encerrando a participação com exposição dos resultados. Assim como na OBA, as equipes seguem na competição 100% on-line com participantes de todo o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *