“Aumento da fome no Brasil é legado do governo Bolsonaro”, afirma Omar Aziz

O preço da cesta básica no Brasil subiu exorbitantemente de uns anos para cá, o que tem feito a economia do governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) não ser vista com bons olhos. Um dos brasileiros que pensa dessa forma é o senador Omar Aziz (PSD), que usou as redes sociais para compartilhar o aumento da fome no país desde que Bolsonaro assumiu a presidência.

Nas redes sociais, Aziz compartilhou um trecho da pesquisa elaborada pelo economista Marcelo Neri, diretor do Centro de Políticas Sociais FGV Social. De acordo com os dados apontados por ele, 36% dos brasileiros não teve dinheiro para alimentar a si ou a família em 2021, sendo um patamar histórico e a primeira vez que o Brasil atingiu o nível de insegurança alimentar na média mundial.

Ao compartilhar a notícia com o seguidores, Omar fez um breve comentário, onde responsabilizou o presidente Bolsonaro pelo cenário de fome no Brasil. Segundo Omar, o Brasil é um dos maiores produtores de alimento do mundo, mas as pessoas estão passando fome.

A pesquisa considerou a média de 120 países, onde a insegurança alimentar aumentou 1,5 pontos percentuais no mundo contra 6 pontos percentuais no Brasil. Em outras palavras, a piora do risco de fome foi quatro vezes maior no território brasileiro.

Fonte: Amazonas 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *