PREFEITO VISTORIA OBRAS DA NOVA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO DA ZONA NORTE

Obedecendo as novas metas estabelecidas pelo prefeito Arthur Virgílio Neto para dotar Manaus de 80% de rede esgoto e saneamento sanitário até 2030, quinze anos a menos do que o previsto no contrato inicial, a Manaus Ambiental está ampliando a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Timbiras, que fica na zona Norte da capital. Até o final deste ano, a obra irá dobrar a capacidade de tratamento da estação.

 

Nesta terça-feira, 16/5, o prefeito e o vice, Marcos Rotta, conheceram a estrutura e fiscalizaram o andamento dos trabalhos. Arthur Virgílio lembrou que outra exigência feita à concessionária foi de que os investimentos mais altos fossem realizados já nos primeiros anos de contrato e não nos últimos, como acordado pela gestão que o antecedeu.

 

“Meu papel aqui é cobrar para que se faça um bom trabalho, ano a ano cumprindo com as metas, para que ao fim do contrato possamos ter o resultado que a cidade merece”, destacou o prefeito. “Essa obra significa saúde, fundamentalmente evitando doenças e protegendo a população”, completou.

 

De acordo com a Manaus Ambiental, a ETE Timbiras hoje tem a capacidade de tratar até 110 litros por segundo. Ao final da primeira etapa da obra de ampliação, a capacidade chegará a 230 litros por segundo, atendendo até 110 mil pessoas.

 

“Estamos trocando equipamentos e modernizando toda a estrutura. Nosso objetivo final é, num segundo momento, quadruplicar a capacidade dessa estação. Além disso, estamos ampliando também a rede de esgoto e este ano devemos chegar a 30 quilômetros de implantação”, divulgou Luiz Couto, que é diretor de Operações da Manaus Ambiental.

 

Em junho, a empresa deve iniciar outra frente de trabalho com a criação de coletoras e reforma de elevatórias.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *