Blog do Marcell Mota

EX-DELEGADO QUE MATOU ADVOGADO NO PORÃO SERÁ JULGADO EM JUNHO

O Ex-delegado Gustavo Sotero teve o julgamento marcado para junho deste ano. Ele foi preso, em flagrante, em novembro de 2017 por matar o advogado Wilson Justo Filho, na casa de shows Porão do Alemão, na Zona Oeste de Manaus. Além do homicídio triplamente qualificado, Sotero também irá responder pela tentativa de homicídio contra a esposa de Wilson e outras duas pessoas que foram feridas na ocasião.

Um dos tiros matou o advogado Wilson de Lima Justo Filho, de 35 anos. Os outros disparos atingiram Maurício Carvalho Rocha, de 35 anos, Fabíola Rodrigues Pinto de Oliveira, de 32, e Yuri Paiva, de 46.

 

O delegado está preso em uma cela com cama, banheiro e ar-condicionado na Delegacia Geral (DG) de Polícia. Ele permanece no prédio depois que a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou, em documento respondido para a Polícia Civil (PC), que não há uma cadeia pública no Estado com condições necessárias para receber em segurança o policial civil.

 

FONTE: PORTAL EM TEMPO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *