“EU NUNCA VOU ME CALAR QUANDO O ASSUNTO FOR DEFESA DOS INTERESSES DO AMAZONAS”, DEFENDE OMAR AZIZ EM REUNIÃO NA CCJ NO SENADO

O líder da bancada federal do Amazonas, senador Omar Aziz (PSD), discutiu na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), na tarde desta terça-feira, 19, sobre o decreto do Executivo (Decreto 9.394/2018), que reduziu de 20% para 4% o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), incidente sobre os extratos concentrados usados na produção de refrigerantes do Polo Industrial de Manaus.

Durante o debate, Omar ressaltou sempre está disposto a lutar pela população do Amazonas e que ZFM leva benefícios ao mundo todo.

“Eu nunca vou me calar, quando o assunto for defesa dos interesses do Amazonas. E a Zona Franca de Manaus, não é um favor para os amazonenses, é um modelo de desenvolvimento que beneficia o Brasil e o mundo”, disse Omar Aziz.

Omar, criticou duramente o decreto editado em maio pelo governo federal que alterou a alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) sobre extratos concentrados usados na produção de refrigerantes.

Para o senador Omar Aziz, o governo não teve uma conduta correta com o povo amazonense. Ele questionou o fato de não aparecer nenhuma instituição ambiental brasileira ou internacional para defender a Zona Franca neste momento de grave ameaça.

“A Receita Federal deu um duro golpe na gente, premeditado há muito tempo. Na calada da noite, apunhalou um modelo que serve de exemplo para o controle de desmatamento na região. Um modelo que garante o desenvolvimento sustentável, defende e preserva a Amazônia”, lamentou Omar, que também questionou duramente números apresentados durante a audiência em relação a geração de empregos e a perdas e ganhos dos estados.

Acompanhe abaixo o pronunciamento na integra do Senador Omar Aziz:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *