CIRCULAÇÃO DE ÔNIBUS É NORMALIZADA EM MANAUS

Os ônibus da frota de coletivos do transporte público de Manaus voltaram a circular nesta terça-feira (5), após sete dias de paralisação dos rodoviários. Segundo o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram), 100% da frota está nas ruas. A normalização do serviço ocorreu após acordo entre patrões, cobradores e motoristas.

O Terminal de Integração 4, na Zona Leste da cidade, voltou a funcionar. Na segunda-feira (4), grades foram quebradas e ônibus alvos de vandalismo de passageiros revoltados com a paralisação do serviço. Ao todo, 61 veículos foram depredados e alguns incendiados.

O fim da greve foi anunciado após um acordo ser firmado entre o Sinetram e o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários.

De acordo com o documento, os trabalhadores terão direito a 5,5% de reajuste salarial, relativos aos anos de 2017 a 2019.

Entenda quais os acordos firmados, ponto a ponto:

  • Reajuste salarial de 5,5% para os rodoviários, sendo o primeiro pagamento integral feito a partir de julho de 2018, até o quinto dia útil de agosto;
  • Faltas de rodoviários durante movimento grevista devem ser compensadas;
  • Fracionamento do intervalo intrajornada de 1h, não descontado da jornada, pode ser feito com tempo mínimo de 10 minutos;
  • Trabalhadores, em caso de culpa em sinistros, devem pagar quantia de até R$ 1,5 mil – se o valor do dano for superior -, que pode ser parcela em até seis vezes;
  • Possibilidade de um empregado prorrogar a sua jornada por até 4h, sem prejuízo do pagamento das respectivas horas extraordinárias;
  • Instituição de jornada de 12 por 36 para setores administrativos e de portaria;
  • Limitação de 10% (8 mil funcionários) na contratação de horistas, intermitentes e funcionários de tempo parcial, podendo o percentual ser aumentado por meio de acordo coletivo de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *