AMAZONINO MENDES DEFINE PROJETOS DE INVESTIMENTOS COM PREFEITOS DE 23 CIDADES DO AMAZONAS

Ao lado de secretários de Estado, o governador Amazonino Mendes recebeu, na sede do Governo, bairro Compensa II, zona oeste, nesta segunda-feira (10/03), 23 prefeitos do interior do Amazonas para discutir as demandas de cada município, com o objetivo de formalizar convênios de repasse de recursos do Governo do Estado para as prefeituras municipais.

Na última sexta-feira (09/03), na sede da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), zona centro-sul, Amazonino Mendes reuniu-se com 58 gestores municipais durante o lançamento do “Fórum Fundiário”, ocasião em que anunciou investimentos para as cidades interioranas em diversos setores da administração pública.

De acordo com Amazonino, nesta segunda-feira, ele ouviu cada prefeito e, ao lado de uma equipe de secretários, determinou, de imediato, encaminhamentos para formalização de convênios para que o Governo possa destinar investimentos aos municípios. “Hoje, foi um dia intenso, duro, mas muito agradável. Recebi mais de 20 prefeitos. Conversamos um por um sobre os problemas de cada um, das suas áreas, suas angústias, e, ao mesmo tempo, fomentando recursos para eles”, disse o governador do Amazonas.

Os ajustes na máquina pública e nas finanças do Estado pelo atual governo permitirá, segundo Amazonino, o estabelecimento de novas parcerias entre governo e prefeituras. “As finanças começaram a se equilibrar. O estado está voltando à normalidade, as coisas estão andando. É isso que a gente quer. A casa está sendo arrumada”, frisou.

Setor viário

Um dos gestores atendidos foi o prefeito de Rio Preto da Eva, Anderson Souza. Ele disse que o município receberá recursos para o setor viário. “Trouxemos as demandas conforme o governador solicitou e ficou definido que Rio Preto vai ser contemplado com recursos para o sistema viário, do qual iremos fazer operação tapa-buraco e recapeamento de algumas ruas. E também aplicaremos o dinheiro para os ramais da área rural”, disse o prefeito, ressaltando que a cidade é conhecida pela potencialidade no setor primário.

“Rio preto é uma área produtiva e o governador tem esse conhecimento, e sabe que Rio Preto foi responsável por abastecer Manaus com 200 milhões de cítricos, mais de um milhão de ovos por dia, 16 mil toneladas de peixe, 400 toneladas de verduras, entre outros”, completou.

Reunião

O governador discutiu os projetos com os prefeitos juntamente com os secretários de Saúde, Francisco Deodato; de Fazenda, Aldredo Paes; de Produção Rural, José Aparecido; de Infraestrutura, Osvaldo Said; de Educação e Qualidade do Ensino, Lourenço Braga; da Casa Civil, José Pacífico; e do chefe da Procuradoria Geral do Estado (PGE), procurador-geral Paulo Carvalho.

Os encontros com os gestores municipais se estenderão nesta terça-feira (12/03), na sede do Governo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *